. Mesmo com pandemia, é necessário que pacientes mantenham o tratamento bucal

Mesmo com pandemia, é necessário que pacientes mantenham o tratamento bucal

Foto divulgação




Apesar da reabertura do comércio e retorno dos serviços, muita gente continua aflita com a transmissão do coronavírus e deixa de buscar certos atendimentos, como o odontológico, essencial e necessário à saúde bucal.

De acordo com a dentista Margareth Macêdo, especialista em periodontia, esse medo de ir ao dentista pode gerar problemas mais graves, como a própria periodontite, gengivite e até perda dos dentes.

“Quanto mais cedo tratar as inflamações bucais, menos risco de se transformarem em comorbidades. Esse medo de ir ao dentista é um erro e pode gerar danos à saúde. É preciso cuidado, sim, mas não se pode deixar de ir ao dentista, basta escolher bem um profissional comprometido com a segurança da saúde”, esclarece a especialista.

Embora o risco de contaminação ainda exista, já que a pandemia continua, muitos profissionais dentistas se prepararam adequadamente para atender, ampliando a frequência da higienização e desinfecção da clínica e aparelhos, além de limitar número de pacientes ao longo doa dia.

Assim, o atendimento odontológico não precisa ser postergado devido à pandemia, bastam os conhecidos cuidados e a pouca exposição social. Tratamento dentário é essencial e importante para a saúde, estética, autoestima e muitas outras implicações.   

 





Postar um comentário

0 Comentários