. Aumenta adesão de clientes ao uso de sacolas retornáveis

Aumenta adesão de clientes ao uso de sacolas retornáveis

Foto divulgação





O comportamento do consumidor teve mudanças com a vivência da quarentena. Consumir menos e desenvolver hábitos sustentáveis geram impacto positivo no meio ambiente e, também, na economia. Uma dessas mudanças é o desempenho de comercialização das sacolas retornáveis da rede GBarbosa. Até agosto, foram vendidas 66.200 ecobags, aumento de 8% comparado ao mesmo período de 2019.

 

O cliente que substitui a sacola plástica ainda contribui para ações sociais. A rede varejista faz a opção pela coleção de sacolas retornáveis Artistas do Brasil, que valoriza representantes da street art. Colecionáveis, as ecobags ganham novas estampas a cada temporada, que retratam a natureza, culturas, personalidades, homens e mulheres de diferentes etnias e realidades sociais.

 

Feita de ráfia, a sacola retornável suporta 15 kg e substitui até seis sacolas plásticas convencionais, além de durar anos. A adesão a esse tipo de produto é uma tendência que contribui com a preservação do meio ambiente. As sacolas plásticas são responsáveis por 10% de todo o lixo produzido mensalmente no Brasil e levam até um século para se decompor. 

 

A cada sacola vendida a R$ 3,99 são destinados R$ 0,20 para as ações do Instituto GBarbosa (IGB), braço de responsabilidade social da empresa. Os projetos do IGB 50+ são voltados para a comunidade sênior. Por meio do canal do YouTube.com/ProjetodeVida são realizadas inúmeras atividades gratuitas como cursos, oficinas, palestras sobre empreendedorismo, tecnologia e atividades com foco no bem-estar, qualidade de vida, saúde e nutrição voltadas às pessoas da terceira idade.

 


Postar um comentário

0 Comentários