. Braskem Recicla vai dar destinação sustentável para cerca de 5 toneladas de resíduos gerados em eventos no Big Drive-in do Centro de Convenções

Braskem Recicla vai dar destinação sustentável para cerca de 5 toneladas de resíduos gerados em eventos no Big Drive-in do Centro de Convenções



O novo normal aqueceu a reflexão sobre o consumo consciente e o estímulo à economia circular, que prevê a transformação dos resíduos em recursos que serão reaproveitados a partir da reciclagem. Esse conceito será praticado na ação Braskem Recicla, que será realizada durante os finais de semana de setembro no Big Drive-in Salvador, no novo Centro de Convenções, promovendo o reaproveitamento dos resíduos gerados pelo público nos eventos de entretenimento. A iniciativa, patrocinada pela Braskem, reforça que é possível se divertir com segurança nas sessões de cinema, teatro e show e ainda contribuir para a sustentabilidade.

 

A ação conta com a participação e engajamento do público, que ao chegar no evento receberá duas sacolas para separar materiais recicláveis e não-recicláveis. Na saída, as embalagens deverão ser depositadas nos coletores indicados. Tudo é feito dentro do veículo pelo próprio participante, de maneira segura e prática. Todo resíduo coletado ficará em quarentena antes de ser manipulado por catadoras, garantindo a segurança dos trabalhadores. Estima-se que serão coletadas cinco toneladas de sacos de papel, garrafas, copos plásticos, vidro e latas de alumínio na central de reciclagem, instalada no local, onde os resíduos serão separados, pesados e terão uma destinação adequada.

 

A operação será realizada pela Cooperguary, cooperativa de reciclagem sediada em Periperi, participante do programa Ser+ da Braskem, que incentiva o desenvolvimento da cadeia produtiva da reciclagem. De acordo Magnólia Borges, gerente de Relações Institucionais da Braskem na Bahia, o Braskem Recicla é um projeto que estimula a economia circular: “Estamos sempre em busca de soluções inovadoras e sustentáveis, que contribuam para a gestão e reutilização de resíduos, principalmente de plásticos. Esta ação possibilita o reaproveitamento dos resíduos que serão transformados em outros produtos, desperta nas pessoas a consciência para o ato de reciclar e o descarte adequado e ainda garante geração de renda para a cooperativa”, pondera.


Foto Divulgação


 

A previsão é que o Braskem Recicla, realizado pela startup baiana Solos em parceria com a Zum Brazil, organizadora do Drive-in, gere uma renda de R$ 15 mil para os cooperados, que enfrentam os impactos da crise econômica gerada pela pandemia. "Esse valor é o dobro do que estamos arrecadando atualmente. Estamos voltando aos poucos ao trabalho, mas ainda com muita dificuldade por conta das restrições impostas pela pandemia. Nossa expectativa é muito boa para essa ação", explica Edmundo Góes, presidente da Cooperguary.

 

Além do apoio financeiro, o Braskem Recicla gera um impacto social, já que terá a participação apenas de cooperadas mulheres, sendo que muitas delas são chefe de família ou tem participação significativa no sustento da casa. Catadora há cinco anos, Nelia Calhau, 37 anos, viu a renda cair durante a pandemia e enxerga na ação uma oportunidade de complementar o orçamento familiar. "O coronavírus dificultou muito, tem sido uma batalha trabalhar. A gente precisava de um evento desse para retomar. Além de ser meio de sustento para muitas famílias, é importante para crescer a consciência do ser humano, que acha que pode jogar tudo no lixo, mesmo coisas que poderiam ser recicladas", pontua.

 

Para Saville Alves, sócia co-fundadora da Solos, a associação da iniciativa a um evento de lazer é fundamental para demonstrar que é possível manter o equilíbrio entre essas ações. “A pandemia levantou muitos debates e reflexões, especialmente sobre como podemos retomar as atividades de maneira sustentável, cuidando do planeta para manter os sistemas saudáveis. O que trazemos agora é uma aplicação prática desse novo modelo de entretenimento com corresponsabilidade", comenta.

 

“Buscamos ir além da esfera dos negócios, nossa proposta é entregar empregabilidade, entretenimento e ações sociais e sustentáveis, como a coleta seletiva do lixo gerado no drive in. É um orgulho fomentar projetos como estes que além de gerar renda aos catadores, educa e conscientiza as pessoas”, afirma Tuca Zamaroni, CEO da Zum Brasil Eventos, empresa responsável pela realização do Big Drive-in Salvador.

 




Postar um comentário

0 Comentários